sáb. ago 17th, 2019

Trump troca muro pela burocracia

Após o impasse com os democratas pela aprovação da verba para a construção do muro na fronteira entre os Estados Unidos e o México, o presidente Donald Trump adotou, a partir de ontem (29), uma nova política de imigração. Os requerentes de asilo deverão aguardar no México enquanto seus casos tramitarem pelos tribunais de imigração dos EUA.

Essa nova política será testada, primeiramente, na fronteira entre San Diego e Tijuana. O período de teste durará até 90 dias e 20 pessoas serão devolvidas ao México por dia. Se for bem sucedida, será expandida para toda a fronteira sul.

O governo mexicano apelou aos EUA que famílias com filhos menores de idade fossem excluídas do plano, mas o governo estadunidense só concordou em iniciar os testes com adultos solteiros.

Após escancarar sua fronteira com a América Central para a passagem das caravanas de refugiados, o México foi pego de surpresa com essa nova política de imigração dos EUA. O plano dos esquerdistas do Foro de São Paulo era fazer com que os traficantes de gente passassem pelo território mexicano rumo aos EUA, mas não permanecessem.

Donald Trump pode não ter conseguido, ainda, construir a muralha para preservar a soberania dos Estados Unidos contra traficantes de drogas, armas e seres humanos. Mas, conseguiu prejudicar aqueles que querem derrotá-lo.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: