qua. dez 19th, 2018

Meliantes do “Ele não” presos no flagra pichando símbolo nazista

Os três homens que picharam símbolos nazistas na igreja em Nova Frigurbo no RJ, foram presos ontem (17), pela Polícia Civil.

Dois suspeitos de 29 e 34 anos foram identificados e capturados na Região Serrana do Rio. O terceiro comunista fugiu, mas mais tarde se entregou na delegacia acompanhado do advogado.

Os meliantes que faziam ativismo para esquerda prestaram depoimento e foram liberados. Os jovens comunistas responderão por crime de preconceito, previsto na Lei 7716/89.

A igreja foi pichada na madrugada de domingo (14). Câmeras de segurança da região capturaram a ação dos socialistas que picharam calçadas e muros perto da igreja, com frases contra Bolsonaro.

Segundo a Polícia Civil, as investigações estão em andamento. Novas imagens e depoimentos estão sendo analisados, mas as pichações estão relacionadas com as campanhas presidenciais.

O petista que se entregou no 151º DP, tem 29 anos, já possui passagem pela polícia e em sua casa a polícia encontrou maconha. Ele também foi autuado por posse e uso de entorpecente.

A capela de São Pedro da Serra é a mais antiga da cidade com 150 anos e o sino de sino de bronze foi doado pelo Imperador Dom Pedro II.

A pena para o crime praticado pelos comunistas é de 2 a 5 anos de cadeia.

Confira

Confira

O post Meliantes do “Ele não” presos no flagra pichando símbolo nazista apareceu primeiro em Terça Livre TV.


Fonte: terça livre

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: