qua. dez 19th, 2018

Jornalista saudita assassinado gravou o momento da própria morte

Jamal Ahmad Khashoggi é um jornalista saudita desaparecido, autor e ex-gerente geral e editor-chefe do canal de notícias Al-Arab.

Segundo o jornal turco Sabah, Jamal foi torturado e assassinado, e seu relógio digital com recursos avançados, gravou todo evento.

Ainda segundo o Sabah, a investigação turca já está de posse do registro feito dentro do consulado saudita em Istambul, que está conectado com um servidor externo, para o qual enviou a gravação na íntegra e de forma automática.

Aaron Blake do Washington Post afirmou:

“sabe-se que o governo turco diz que há áudio e vídeo do momento. Os serviços de informação dos Estados Unidos intercetaram comunicações que sugerem que o príncipe Mohammed bin Salman estava empenhado em atrair Khashoggi de volta à Arábia Saudita. Por isso, existindo provas, a sua divulgação é uma questão de tempo.”

Oficialmente, a Arábia Saudita nega todas as acusações.

Fonte: Euronews

O post Jornalista saudita assassinado gravou o momento da própria morte apareceu primeiro em Terça Livre TV.


Fonte: terça livre

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: